São Paulo desiste de contratar lateral Adriano

Para o São Paulo, a ideia de realizar a contratação do jogador Adriano está descartada. 

Por questões financeiras, a diretoria do Tricolor afirmou que as conversas sobre a negociação não evoluíram e o jogador Adriano não está mais na pauta do time, que busca reforços para o segundo semestre.

São Paulo
Foto: Divulgação/Besiktas

O lateral era cotado como uma oportunidade muito boa para o São Paulo. Após o seu contrato com o Besiktas chegar ao fim, o jogador estava livre para negociar com qualquer time sem o clube de destino precisar pagar multa rescisória alguma. 

Porém, o jogador de 34 anos, fez um pedido muito alto para o valor. Mesmo não tendo que pagar nenhum tipo de rescisão contratual, o clube teria de se responsabilizar com o pagamento de luvas. Diante disso, a diretoria do clube precisou frear as investidas no lateral.

Além do alto valor exigido por Adriano, o empresário do jogador também não colaborou para que o São Paulo continuasse na negociação. Segundo algumas pessoas que participaram das conversas, o empresário teria fornecido informações à imprensa e, para definir um acordo, solicitou altos valores.

ANÚNCIO

Para a alta cúpula do São Paulo, a postura do empresário não agradou e não aprovaram a forma como o empresário Fábio Santanna negociou. Após o fato, o São Paulo oficializou a saída da negociação.

São Paulo outros busca reforços

Com o descarte da possibilidade de contratar Adriano, o São Paulo se movimenta para conseguir reforços antes que a janela de transferências feche. Além de um jogador para atuar nas laterais, o São Paulo está procurando por um centroavante.

Na mira do Tricolor, está o jovem Raniel, atacante do Cruzeiro. O jogador, de 23 anos, é reserva do clube celeste e ocupa o lugar de Fred quando necessário.

Além de Raniel, o São Paulo também avalia a possibilidade de fechar uma negociação com Luciano, atacante do Fluminense. O jogador do tricolor carioca é 3 anos mais velho e, atualmente, é o artilheiro da temporada com 15 gols realizados. 

Antes de sondar Raniel e Luciano, a diretoria do clube sondou a possibilidade de contratar o argentino Juan Dinenno do Racing – ARG. Juan estava emprestado ao Deportivo Cali, da Colômbia.

A situação financeira do clube paulista não é das melhores. A fase é complicada e o tricolor chegou a atrasar alguns pagamentos de direito de imagem a seus jogadores. Para fazer negócio com Juan Dinenno, por exemplo, o gasto seria muito alto. Por isso, a direção do clube está agindo com muita cautela. 

Para auxiliar Cuca nas laterais, enquanto a contratação não acontece, o técnico conta com Igor Vinicius e Hudson. Bruno Peres que também era uma opção, foi liberado para negociar com outros times e está em transição. 

Igor é um bom jogador. Porém, das 17 partidas que jogou pelo clube nesse ano foi expulso em duas. O garoto, de 22 anos, demonstra potencial, mas ao mesmo tempo muita inconstância pela pouca experiência que tem.

Por outro lado, Hudson consegue contribuir positivamente no setor. Porém, tem sua habilidade limitada, já que originalmente o jogador pertence ao meio-campo e está na posição como um improviso.

 

ANÚNCIO