Revanche entre Masvidal e Nate Diaz é descartada por Dana White

Dono do UFC diz não ver necessidade de uma nova luta entre os dois lutadores, que se enfrentaram no UFC 244, no último sábado (2).


Pouco após a luta entre Masvidal e Nate Diaz, no UFC 244, que acabou sendo interrompida por decisão do médico presente na luta, Dana White veio a público dizer que não tem interesse em uma revanche entre Masvidal e Nate Diaz.

Nate Dias
Foto: (reproduçãp/internet)

Dana White deixou claro que essa é a sua decisão nesse momento, contrariando as vontades dos dois lutadores. Masvidal chegou a dizer após a luta, ainda dentro do octógono, que queria uma nova luta contra o rival.

Nate Diaz sofre ferimento durante a luta

A interrupção aconteceu no intervalo entre o terceiro e quarto round, devido a um corte profundo no supercílio e, também, abaixo do olho de Nate Diaz.

Os golpes que causaram os ferimentos foram desferidos ainda no primeiro round e foram piorando com o passar do tempo. Com a piora do quadro e com os ferimentos muito inchados, o médico definiu a interrupção, dando, assim, a vitória a Masvidal.

ANÚNCIO

Masvidal sai como campeão

O duelo entre Masvidal e Nate Diaz não era nenhum disputa oficial pelo cinturão de alguma das categorias de peso do UFC, mas sim pelo cinturão de “mais casca grossa” do evento. A vitória acabou nas mãos de Masvidal.

Mesmo com Dana falando que não tinha interesse na revanche, em entrevista à imprensa após a luta, Masvidal disse que ele e Diaz voltarão a se enfrentar em algum momento, mesmo que seja mais para frente.

A luta entre os dois lutadores foi “arranjada” após os lutadores que fariam a luta principal do evento “desistirem” da luta por não entrarem em um acordo financeiro com o UFC. A luta seria entre Kamaru Usman e Colby Covington, pelo cinturão dos meio-médios (até 77kg.)

Dana White “rasga” elogios a Masvidal

Na coletiva de imprensa após a luta (e após Dana White dizer que não tinha interesse na revanche), o dono do UFC não deixou para depois e “rasgou” elogios a Masvidal. Entre os pontos que Dana apontou está o fato de o lutador estar entre os melhores do UFC em 2019, vindo de uma última luta, onde nocauteou o seu rival em apenas 5 segundos.

Essa luta se tornou a mais rápida de todos os eventos do UFC. O fato de ter anulado quase que por completo a tática empregada por Nate Diaz durante a luta também não passou despercebida por Dana.

Outro fato que chama a atenção em Jorge Masvidal é que ele vinha de uma sequência de duas derrotas em 2017 e está prestes a ser demitido do UFC. Em 2019, ele retornou aos ringues e ganhou todas as 3 lutas que disputou.

Masvidal e Nate Diaz recebem suspensão após a luta no UFC 244

Tanto Nate Diaz quanto Masvidal receberam suspensão médica após a disputa do cinturão de “mais casca grossa” do UFC. Essa suspensão médica é comum e visa proteger os atletas enquanto passam pelo período de “cura” dos ferimentos das lutas.

Nate Diaz está suspenso de lutar e treinar por 90 dias (prazo máximo que pode ser estabelecido). Já Masvidal pegou suspensão de 30 dias. Ao todo, 24 lutadores passaram pelo octógono do UFC 244. Além de Nate, outros 5 lutadores receberam o tempo máximo de suspensão (90 dias).

ANÚNCIO