Porco bate Inter e segue com vantagem na Copa do Brasil

Na noite de ontem, Palmeiras e Internacional retornaram às atividades oficiais após pausa para a Copa América. Retomando os confrontos pela Copa do Brasil, os times jogaram o primeiro jogo das quartas de final do torneio. Jogando em casa, o Porco levou a melhor e conseguiu marcar um gol no clube gaúcho.

O duelo foi na Allianz Parque, diante de um público médio de 36 mil torcedores. Zé Rafael foi o autor da vantagem que faz o time depender apenas de um empate para a classificação.

Foto: Divulgação/CBF

Porco x Saci

No primeiro tempo do jogo, o Internacional passou despercebido. O Palmeiras exerceu domínio sobre as oportunidades que apareciam para causar pressão no adversário e não perdoou. Com poucos minutos de jogo, o time de Luiz Felipe Scolari abriu o placar. 

Bruno Henrique dominou a sobra da bola com a direita e lançou para Zé Rafael marcar. O camisa 8 do Palmeiras, de cabeça, mandou a bola para dentro do gol de Lomba quando o relógio marcava 19 minutos.

O Porco assustou os colorados com o gol e, rapidamente, o clube gaúcho tentou reagir. Nico López foi o primeiro a tentar marcar. Em um chute desesperado, o uruguaio recebeu a bola ainda na intermediária e chutou forte no ângulo direito de Weverton, que teve trabalho para conter o chute. 

ANÚNCIO

A estratégia palmeirense foi inteligente: marcar e neutralizar Paolo Guerrero. O peruano é um dos principais jogadores do Internacional atualmente. Com o atacante apagado, o time paulista seguia dominador. No contra-ataque palmeirense era onde o Inter mais sofria. 

Quase no final da primeira etapa, mais uma oportunidade de gol para o Verdão. Dudu, aos 42 minutos, por pouco não marcou mais um para ampliar o placar. No lance final do primeiro tempo, quem desperdiçou foi Luan, que ao cabecear fraco, entregou a bola nas mãos de Marcelo Lomba.

Na volta para o segundo tempo, o colorado tentou mudar o cenário do jogo. O técnico Odair Hellman tirou o camisa 33, Nonato, e colocou D’Alessandro para jogar. A estratégia não funcionou muito, o jogo seguia travado, especialmente para o Inter. Dudu e Zé Rafael seguiram o ritmo ofensivo da primeira etapa e, nos 10 minutos iniciais, quase marcaram duas vezes.

O goleiro do Porco não foi muito solicitado no jogo, assim como na primeira etapa. O Inter só conseguiu levar perigo à área palmeirense novamente aos 22 minutos, com um chute de Nico López na entrada da área. 

Os lances mais ofensivos seguiam sendo palmeirenses e, na sequência, o time quase marcou novamente. No entanto, o atacante Deyverson não conseguiu passar a bola para Zé Rafael, que estava livre para marcar.  

O meio-campo do Palmeiras ficou mais fechado quando Felipão colocou Thiago Santos no jogo. Com a retranca, o time conseguiu segurar o resultado e venceu a partida.

A vitória dá tranquilidade ao Palmeiras de jogar pelo empate no Beira-Rio, no próximo dia 17.

Próximos jogos 

Antes do jogo que decidirá quem se classifica para a semifinal, os dois times têm compromissos pelo Brasileirão. 

O Palmeiras enfrenta o São Paulo neste sábado, em mais um clássico no Morumbi. O Internacional também jogará fora de casa. O clube gaúcho enfrenta o Atlético Paranaense na Arena da Baixada, no próximo domingo. 

ANÚNCIO