Bolton adia partida por número insuficiente de jogadores

Além das dificuldades com desempenho de elenco e com as conquistas de títulos, uma das coisas que leva um clube à decadência é a crise. Na história do futebol, muitos times já foram por água abaixo neste contexto. Atualmente, é isso que acontece com o Bolton, clube inglês.

Atualmente, uma grave crise financeira assola a estrutura dos Wanderers, o que levou a equipe à terceira divisão do Campeonato Inglês. Além dos cinco meses de salários atrasados aos jogadores, até mesmo a água foi cortada em sua sede.

Bolton
Foto: (reprodução/internet)

Entenda mais a respeito da situação que este clube inglês está atravessando atualmente, na continuação deste artigo.

A crise no Bolton Wanderers

No ano de 1874 Bolton Wanderers estava sendo fundado na cidade que possui o mesmo nome da equipe. Devido à sua idade e tradição, o clube é considerado o 7º mais antigo da Inglaterra, além de ser um dos mais velhos de todo o mundo.

Durante muitos anos, o Bolton fez parte da elite do futebol inglês, com bons resultados em Copas da Inglaterra. Porém, atualmente, sua história está passando por um momento difícil de lidar, o qual põe em cheque até mesmo a sua sobrevivência.

ANÚNCIO

A razão deste mau momento é uma dívida milionária que a equipe possui. No ano de 2015, por exemplo, o valor chegou aos 200 milhões de euros, o que deixou a gestão do clube totalmente imobilizada em termos de investimentos.

Diante desta realidade, a solução foi recorrer à formação de base que a equipe possui. No entanto, na disputa do campeonato, os jovens acionados precisarão enfrentar um desafio um tanto árduo.

Para início de conversa, a experiência desses jogadores não é muito grande. Afinal, a média de idade encontrada entre eles é de, no máximo, 19 anos. Além disso, os resultados negativos em jogos disputados são constantes.

Por exemplo, na penúltima rodada League One (que é a categoria que se equipara à terceira divisão aqui no Brasil) o time levou uma goleada de 5 gols a 2 para o Rochdale. Logo em seguida, na rodada seguinte, uma nova goleada: os Tranmere Rovers atropelaram o Bolton com mais cinco gols.

Ausência de jogadores leva ao cancelamento de jogos

Quando os problemas financeiros começaram a se prolongar, houve uma série de protestos realizados pelo elenco. Em uma das manifestações, aconteceu uma greve que levou ao cancelamento de um jogo contra o Brentford.

Nesta ocasião, os jogadores diziam que não entrariam em campo até que a situação de seus salários, atrasados há um bom tempo, fosse normalizada. No entanto, o pagamento nunca aconteceu e o time seguiu ladeira abaixo.

Hoje, essa realidade volta a acontecer no Bolton. O administrador do clube, Paul Appleton, deu um comunicado informando que amanhã não acontecerá o duelo marcado contra os Doncaster Rovers. O jogo foi adiado devido à impossibilidade em fazer a escalação de 11 jogadores.

Na nota concedida pelo administrador, foi dito:

“Mesmo sabendo que as possibilidades de punição são óbvias, não podemos permitir que o bem-estar de um grupo de jogadores tão jovens seja impactados. Com a maioria de nossos jogadores machucados ou inaptos a entrarem em campo, nosso elenco vem se mostrando heroico e merece ser louvado.”

E continua:

“No entanto, após conversas com o departamento médico e com as comissões técnicas do profissional e da base, chegamos à conclusão de que é impossível colocar os garotos da base em campo novamente sem dar-lhes o descanso regulamentar, o que seria danoso tanto para a saúde quanto para o desenvolvimento profissional desses jogadores. Isso não pode ser permitido”

Para aqueles torcedores que realizaram a compra de ingressos, foi garantido o reembolso.

ANÚNCIO